quarta-feira, 19 de setembro de 2012

- e somos escolhidos;


Pensamos que somos nós a escolhermos os livros que lemos. Mas não é sempre assim, às vezes existem livros tão especiais que foram escritos para nos encontrar. Eles nos esperam pacientemente, às vezes por anos porque têm coisas a nos dizer e esperam sempre algo de nós. Nos pegam pela mão e nos fazem viajar, sonhar e mudar. Nos ensinam, nos revelam segredos, nos fazem viver. Esperam que nós leiamos até as linhas não escritas. E assim nos fazem entender que somente a vida não basta e que eles existem exatamente por isso. Não é nunca por acaso que um livro espera para nos encontrar.
Agostino Degas

Nenhum comentário: