quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

- 8 ou 80;

ou confia ou não confia.

comigo não tem meio termo.
e se algum dia precisar provar pra me fazer acreditar, bem, será o fim.
fico tentando entender qual parte do "se eu não perguntei é porque não é importante e eu não quero saber" o pessoal não entende. parece tão simples pra mim.

o fato de eu não perguntar é tão grave assim? por que incomoda tanto?
por que eu tenho sempre que explicar tudo?
por que eu deveria me importar tanto com coisa tão pequena?

[pausa]

tô me sentindo em 2004. encontrei em mim uma raiva que estava adormecida.
quisera eu jamais ter encontrado. de novo.


Nenhum comentário: